CFTV: entenda mais sobre o que é e como aplicar em sua empresa

Sistema de CFTVO circuito fechado de televisão, também conhecido como CFTV, é um tipo de sistema de monitoramento de vídeo que existe desde a década de 1940, quando foi usado pela Siemens AG para observar os lançamentos de foguetes em Peenemunde, na Alemanha.

Os sistemas de CFTV são baseados em câmeras de vídeo colocadas estrategicamente, capturando imagens e depois transmitindo elas para uma rede privada (fechada) de monitores para visualização em tempo real ou para um gravador de vídeo (analógico ou digital) para referência posterior.

Embora o CFTV foi originalmente tenha sido implementado para melhorar o desenvolvimento de foguetes, ao longo das últimas décadas, tornou-se um fator cada vez mais importante na segurança e vigilância para as empresas, governos, aplicação da lei, escolas e até mesmos domicílios. Assim, vamos dar uma olhada nas muitas maneiras em que o CFTV é usado hoje.

O CFTV na Vigilância Empresarial

CFTV é uma das maneiras mais fáceis para os empresários poder monitorar os funcionários e prevenir crimes em seus estabelecimentos. Se o local de negócios é um restaurante, escritório, banco ou loja de varejo, câmeras colocadas em áreas de manuseio de dinheiro, salas de armazenamento e pisos de vendas ajuda muito a evitar roubo e outras formas de má conduta.

A vigilância do negócio é igualmente importante fora do horário de expediente, como é durante o horário comercial, uma vez que quase tudo pode acontecer durante a noite em uma instalação desocupada. As câmeras de segurança não só fornecem provas de roubo, como também ajudam os proprietários e gerentes a controlar as equipes de limpeza e manutenção durante a noite, para garantir que todas as tarefas necessárias sejam executadas de forma adequada.

O CFTV no Monitoramento de tráfego

Já abriu a caixa de correio e encontrou alguma multa deixada ali, por exemplo, por excesso de velocidade, mesmo que nunca tenha sido abordado pela polícia? Isso tudo é graças a sistemas de monitoramento de tráfego de circuito fechado. Mas enquanto todos nós ouvimos sobre o número crescente de radares instalados pelas cidades para pegar motoristas desatentos com as legislações, o CFTV não serve apenas para isso.

Com volumes de tráfego cada vez maiores nas áreas metropolitanas, as interestaduais e estradas locais tornaram-se muito mais congestionadas e, com isso, a condução imprudente e acidentes acontecem com mais frequência. Por isso, muitas cidades hoje contam com câmeras de vigilância para monitorar o fluxo de tráfego, observar casos de condução agressiva ou imprudente e examinar os detalhes de acidentes e veículos nas vias.

O CFTV na Segurança Doméstica

Hoje em dia, não é incomum que domicílios instalem câmeras de segurança em torno de suas casas e propriedades para se proteger contra intrusos, roubos e vandalismo. Enquanto as próprias câmeras não podem fazer nada para impedir fisicamente que os crimes ocorram em uma casa, elas se tornaram dissuasores muito eficazes — uma casa bem monitorada é muito menos atraente para criminosos do que uma sem medidas de segurança nenhuma.

Outra forma de vigilância CFTV em casa é o “nanny-cam”, uma pequena câmera de vídeo que é muitas vezes disfarçada como um objeto doméstico comum e colocado em uma área da casa onde babás, enfermeiros e outros funcionários domésticos estão susceptíveis a gastar tempo.

Essas câmeras de segurança secretas trazem paz de espírito aos pais e aos proprietários que querem ter a certeza de que seus filhos e pertences estão seguros e sendo tratados adequadamente.

O CFTV no Transporte público

Desde trens e ônibus, até metrô e táxis, o transporte público está se tornando cada vez mais protegido pela CFTV, com câmeras de vigilância instaladas não apenas em veículos, mas também em estações e rodoviárias. O monitoramento de vídeo ajuda a dissuadir crimes contra passageiros, motoristas e cobradores, mas também fornece provas visuais para julgamento no caso de um indivíduo ser vítima ou ter propriedade a destruída.

O CFTV na Proteção Escolar

As escolas estão experimentando uma maior necessidade de vigilância, especialmente nos níveis de Ensino Fundamental e Ensino Médio. Muitos sistemas escolares passaram a usar o CFTV como uma forma de monitorar o fluxo dos alunos em corredores, conduta em sala de aula e possíveis incidentes em lanchonetes, ginásios, auditórios e estacionamentos.

As câmeras de segurança tornaram-se uma ferramenta para conter casos como pichações, brigas, vandalismo e uso de drogas em terrenos da escola, bem como proteger os alunos e monitorando indivíduos que entram e saem do campus.

Esperamos que esse texto possa lhe ter ajudado a compreender melhor os grandes benefícios da utilização dos recursos de um sistema de CFTV. Quer se manter sempre bem informado e por dentro de todas as notícias do setor? Então não deixe de assinar a nossa newsletter!



Comente via Facebook

Compartilhe: