Vale a pena utilizar o serviço de Segurança Orgânica?

vale a pena utilizar o servico de seguranca organicaO serviço de Segurança Orgânica pode ser definido como a contratação de profissionais de segurança de forma direta, em regime CLT. Ao contrário do serviço de segurança privada, onde uma empresa especializada em segurança é contratada para terceirizar o serviço e arcar com todos os custos e documentações necessárias para que o profissional de segurança exerça sua função.

O serviço de Segurança Orgânica requer muita cautela e profissionais capacitados para a gestão, tendo em vista que os erros podem custar caro para a empresa.

Neste post dissertaremos sobre o que se deve levar em consideração ao optar pelo serviço de Segurança Orgânica na empresa e os impactos a curto e longo prazo.

Custos da Segurança Orgânica

A empresa optante pelo serviço precisa estar ciente de que precisará planejar toda a estratégia que será utilizada para garantir a segurança das pessoas, bens e patrimônio. Portanto, ficará responsável pela contratação dos profissionais responsáveis, como gestores, para analisarem todos os riscos possíveis, tecnologias a serem implantadas e norteamento de colaboradores. A empresa ficará responsável também pela contratação de vigilantes e compra de todos os acessórios e ferramentas de trabalho, como coletes à prova de balas, cassetetes, rádios de comunicação, dentre outros.

Não se pode esquecer também da substituição de colaboradores caso precisem se afastar por motivos de saúde ou férias.

Percebe-se que muitas coisas estão em jogo para a implantação da Segurança Orgânica e que não é uma tarefa fácil colocá-la em prática, pois não se deve levar em consideração somente a contratação de funcionários, mas também os altos custos para a obtenção de licenças, o risco de multas aplicadas pela Polícia Federal e a compra de materiais caros.

Requisitos

A empresa contratante deve manter em dia todas as certificações e licenças, como CNV de vigilantes, autorização para serviços orgânicos de vigilância patrimonial, que é revista anualmente pelo ministério da justiça, administração do sistema GESP (Gestão Eletrônica da Segurança Privada), da Polícia Federal, Atualização de dados, autorização para a aquisição de armas e munições.

Todas as medidas burocráticas são tomadas visando manter a ordem e a integridade dos profissionais contratados para este tipo de serviço, devido aos riscos que a atividade oferece.

Consequências de uma má gestão

A má gestão da Segurança Orgânica pode ocasionar em gastos desnecessários ao se adotar serviços não condizentes com o objetivo da implantação, danos à empresa, devido a inexperiência e treinamento inadequado de vigilantes e processos na justiça em caso de vítimas em imprevistos. Vale relembrar também sobre as multas e punições aplicadas pela Polícia Federal, que pode também suspender o serviço.

São inúmeros os prejuízos que podem ser causados pela falta de experiência com serviços de segurança. Portanto, terceirizando-o é possível cortar os custos desnecessários já citados, permitir que o trabalho seja realizado por uma equipe especialista e acostumada com diversas situações cotidianas, e evita processos trabalhistas. Além disso, você concentra os esforços na verdadeira atividade chave da empresa.

Nós da Globalseg atuamos há mais de 13 anos no mercado de segurança privada e podemos te ajudar a proteger seu patrimônio e as pessoas que circulam por ele todos os dias.

Entre em contato conosco e solicite um orçamento: https://goo.gl/tvmZr2



Comente via Facebook

Compartilhe: