Conheça o relatório de ocorrências da Segurança Patrimonial

relatorio de ocorrencias

O relatório de ocorrências é utilizado na segurança privada para registrar os fatos que possam interferir, negativamente na proteção da empresa. Através dele é feito a anotação de determinada ocorrência, seja ela criminosa ou não.

É importante que os dados inseridos no relatório de ocorrências sejam divulgados apenas para as partes interessadas, como o gestor de segurança, supervisor e o vigilante responsável pela anotação. Assim, poderá ser feita uma melhor investigação dos fatos e criar estratégias para evitá-los novamente.

Preparamos esse texto para explicar o que é o relatório de ocorrências de segurança e como ele é importante para a segurança privada. Confira o nosso post e ao final baixe o nosso modelo totalmente grátis.

Por que o relatório de ocorrências é importante?

O relatório de ocorrências é o que faz a comunicação entre os fatos negativos e as pessoas responsáveis, por isso ele é tão importante. Assim, os gestores e supervisores podem analisar melhor os casos e criar soluções para que eles não se repitam. Uma de suas funções também é formalizar as ocorrências, podendo ser consultadas posteriormente.

O relatório de ocorrências também é utilizado como fonte para os indicadores de desempenho. Assim, os dados que nele estão, podem ajudar a qualificar a eficiência da segurança privada da empresa.

O que são consideraras ocorrências negativas?

Abaixo estão selecionados os principais fatos negativos que precisam ser registrados:

  • Ameaças para segurança da empresa.
  • Fragilidades que possam interferir na segurança.
  • Prejuízos ao patrimônio da empresa.
  • Possibilidade de prejuízo para pessoa ligada a empresa.

O que deve conter no relatório de ocorrências?

O conteúdo do relatório de ocorrências depende de cada organização. Alguns dados são considerados senso comum entre todas as empresas. Segue abaixo todos eles:

  • Número do relatório: deve ser sequencial, acompanhado do ano. Ele deve ser único, não podendo ser repetido em outro relatório.
  • Identificação do emissor: é necessário que sejam preenchidos o nome e o registro do que realizou o relato.
  • Data e hora da emissão: ao preencher o relatório é importante anotar o exato momento em que isso aconteceu. Depois, essa informação será passada para o livro de ocorrências.
  • Data e hora da ocorrência: deve ser anotado o exato momento em que aconteceu o fato negativo.
  • Localidade da ocorrência: é importante anotar o local no qual se deu o fato. 
  • Assunto: neste campo o funcionário responsável vai escrever do que se trata a ocorrência. Alguns exemplos são desaparecimentos de objetos, furtos, indivíduos suspeitos, colisão de veículos e falta de identificação de funcionários. 
  • Responsáveis: aqui é identificado a quem é responsável pelo local, objeto ou pessoa envolvida.

O uso do relatório de ocorrências é muito importante para a manutenção da segurança da sua empresa. Por isso, nós da Globalseg disponibilizamos para download um modelo de relatório de ocorrências junto com o termo de abertura e encerramento do livro de ocorrência. Assim, a sua empresa pode gerenciar de maneira correta os fatos que possam atrapalhar a segurança privada.

Clique no botão abaixo e baixe.

Baixar relatório de ocorrências + termo de abertura e encerramento do livro de ocorrências

[blox_text animation=”none”



Comente via Facebook

Compartilhe: