Dicas de Segurança

A GLOBALSEG sempre se preocupa com a segurança das pessoas e por isso relaciona abaixo uma série de dicas para que você proteja a integridade da sua família e patrimônio da melhor maneira.

AEROPORTOS

– Fique atento às bagagens enquanto espera seu voo.

– Evite colocar bens de valor (câmeras, dinheiro, documentos, computadores, joias, etc) nas vagens a serem despachadas.

– Procure verificar o estado da mala e se algum bem sumiu assim que desembarcar.

– Em caso de furo, procure a empresa aérea e comunique o fato, por escrito.

BANCOS OU CAIXAS ELETRÔNICOS

– Não aceite ajuda de pessoas desconhecidas, que lhe ofereçam isenção de tarifas e outras vantagens financeiras. Se desconfiar que elas se fazem passar por funcionários, avise a gerência da agência.

– Nunca aceitou ou solicite ajuda de extenso. Se precisar, peça informações para um funcionário do banco.

– Nunca forneça suas senhas para outras pessoas.

– Ao utilizar o caixa eletrônico, fique atento à presença de pessoas suspeitas ou curiosas que possam estar próximas a você. Ao digitar a senha, evite que outros possam vê-la ou descobri-la pelo movimento dos dedos no teclado.

– Em caso de dificuldades no uso do caixa eletrônico, não utilize celulares de terceiros para entrar em contato com o banco, pois seus dados ficam registrados na memória do aparelho.

– Sempre que possível, faça sua operações no horário comercial. Após esse horário, prefira usar caixas eletrônicos em locais de grande movimentação e em ambientes internos (shopping centers, lojas de conveniência, postos de gasolina, etc).

CARTÕES DE CRÉDITO

– Evite assinar no verso do cartão.

– Proteja e anote o código de segurança escrito no verso do cartão.

– Utilize cartão com chip. Tecnicamente ele é mais seguro contra procedimentos de clonagem.

COMPRAS

– Sempre antes de sair as compras, verifique folhas de cheque e cartões. Sempre tenha atenção ao realizar um pagamento.

– Antes de sair cruze folhas de cheques e preencha previamente os destinatários (para compras previamente ajustadas).

CONDOMÍNIOS

 – Seja criterioso na autorização de entrada só admitindo visitantes que conheça.

 – Não autorize a entrada de nenhum prestador de serviços que não tenha requisitado, bem como vendedores, funcionários de instituições de caridade e outros.

 – Não abra a porta do apartamento para estranhos, mesmo que acompanhados de funcionários do condomínio.

 – Quando solicitado à portaria, verifique se o assunto lhe diz respeito e, só então desça à recepção para atender.

 – Ao estacionar seu veículo na garagem, mantenha-o trancado, sem pacotes e objetos à vista e com o alarme ligado.

 – Não deixe cópias das chaves na portaria.

 – Tenha um bom relacionamento com seus vizinhos e mostre a eles a importância de manter do condomínio em segurança.

DESLOCAMENTOS

– Conheça o deslocamento entre os seus itinerários mais comuns, sabendo a localização de farmácias, pontos de táxi, postos de gasolina e principalmente unidades de atendimento da polícia.

ESCOLAS

 – Conheça os amigos de seu filho.

 – Ensine as crianças a pedir auxílio à polícia (pessoalmente ou por telefone) ou as pessoas conhecidas caso percebam estranhos em atitudes suspeitas.

 – Instrua-as a não aceitar balas, doces, presentes ou brinquedos de pessoas desconhecidas.

 – Oriente seus filhos para não se desviarem do trajeto casa/escola/casa, sem prévio acordo, e a se afastarem de situações perigosas, tais como acidentes, aglomerações, discussões, etc.

ESPAÇOS PÚBLICOS

– Ao notar que está sendo seguido, procure mudar vários vezes ao lado da calçada.

– Se não houver necessidade, não carregue objetos de valor, grandes quantias de dinheiro ou cartões de crédito.

– Evite lugares sem iluminação e com pouco movimento.

– Solicite o imediato restabelecimento da iluminação pública da sua rua e mantenha a iluminação externa de sua residência sempre funcionando.

– Se as árvores existentes na calçada defronte a sua residência reduzirem a iluminação, solicite à prefeitura que seja feita a poda.

– Evite transitar usando jóais, tênis ou roupas caras em locais com alto índice de violência.

GERAL

– Evite sair com crachá, informe escolar ou de trabalho.

INTERNET

– Mantenha sempre seu computador com o antivírus atualizado e tenha sempre cuidado ao efetuar compras online.

– Tenha sempre senha de logins no seu computador para evitar que seus dados pessoas pare nas mãos de pessoas indesejadas.

– Ao fazer compras na internet, verifique se o site possui endereço comercial físico e telefone.

– É importante que o site possua os dados blindados. Confira se há um símbolo de cadeado no canto direito superior da janela do navegador na hora de efetuar a compra com o cartão de crédito.

– Não use o comércio eletrônica ou o internet banking em computadores de terceiros ou  de acesso público, como bibliotecas ou lan houses.

– Ao enviar e-mail para várias pessoas, use o CCO (Cópia Oculta), assim você evita que o e-mail dos seus conhecidos seja divulgado para outras pessoas.

– Cuidado com o uso das redes sociais. Se utilizadas de maneira incorreta, podem deixar você vulnerável, pois todos os seus dados ficam disponíveis para um grande número de pessoas.

– Nas redes sociais, seja amigo ou siga apenas quem você realmente conhece. Evite informar dados pessoais, não divulgue os lugares onde você vai e não abuse da divulgação de fotos.

NO TRÂNSITO

– Ao transitar pelos grandes centros, mantenha os objetos de valor em segurança no banco de trás ou porta malas dos veículos.

PRESTADORES DE SERVIÇO

Ao contratar os serviços de terceiros, exija documentação e referências e averigue a autenticidade e a veracidade das informações.

– Prestadores de serviços devem ser retidos na portaria antes de obter permissão do morador para adentrar o condomínio.

– Na ausência do morador, o acesso de terceiros não deve ser permitido.

RESIDÊNCIAS

– Sempre tenha referências de funcionários que venham a trabalhar na sua casa.

– Peça e confira as referências apresentadas por candidatos a empregados domésticos, preferencialmente ligando para telefones fixos ao invés de celulares.

– Vigilância natural é a possibilidade de ver e ser visto. Quanto maior a vigilância natural, menor a possibilidade de ocorrerem delitos.

– Faca sua casa parecer de difícil acesso para o criminosos e você terá menos probabilidade de ser tornar uma vítima.

– Tome muito cuidado com janelas muito próximas de portas, pois através delas o criminoso pode alcançar a fechadura e abrí-las.

– Mesmo depois de instalado o alarme, você deverá garantir que, na sua ausência, sempre que for acionado, um vizinho próximo chame a polícia.

– Plantas e arbustos espinhosos podem ser plantados pelo lado de dentro junto aos muros, grades, cercas ou janelas, tornando-se uma “dolorosa” barreira contra intrusos.

SEGURANÇA ELETRÔNICA

– Contrate sempre uma empresa reconhecida no mercado.

– Peça referência de clientes e avalie com eles o nível de satisfação quanto aos serviços prestados.

– Dê preferência para empresas que também atuam no segmento de segurança patrimonial, pois o atendimento com certeza seja mais profissional.

– Na instalação dos equipamentos, exija a documentação que comprove o vínculo dos profissionais com a empresa contratada.

TRANSPORTE PÚBLICO

– Procure andar com bolsas, carteiras e demais pertences ao alcance das mãos e da visão: na parte da frente do corpo ou nos bolsos frontais

– Evite os fones de ouvido. Meliantes escolhem suas vítimas pela fragilidade ou vulnerabilidade, após analisar o que elas trazem de valor.

– Tente se manter acordado durante a viagem, pois enquanto dormimos deixamos nossos pertences mais acessíveis.

– Em ônibus vazios, procure ficar o mais próximo possível do motorista ou cobrador.

– Cuidado ao entregar seus pertences para desconhecidos que estejam sentados e que se ofereçam para ajudar. Bolsas são alvos fácil para os ladrões mais ágeis, que podem tirar algo sem que você perceba.

– Nunca saia com muito dinheiro na carteira ou bolsa.

– No caso de o veículo ser invadido, procure manter a calma e nunca reaja.

– Evite ficar sozinho em pontos de ônibus isolados, especialmente à noite.

VIAGENS

– Nunca deixe acumular correspondência na porta da sua residência, peça a um vizinho para sempre retirar.